in

Santander volta ao jogo e pretende lançar novos serviços de crédito para “esmagar” concorrentes

PUBLICIDADE

Com a crise instaurada em vários setores brasileiros as pessoas estão passando por momentos complicados, mas isso não faz com que os bancos, por exemplo, parem de inventar e inovar. O banco Santander vai entrar para briga com as fintechs, criando novas plataformas.

Foi anunciado que nos próximos meses ele lançará uma plataforma de microcrédito, renegociação de dívidas e concessão de seguros para automóveis e seu foco será principalmente as pessoas físicas e financiamento de consumo.

Fazendo esses lançamentos desses novos serviços entra efetivamente para a briga com as outras empresas, pois existem diversas startups pequenas que oferecem várias alternativas em questão aos custos e burocracias de grandes instituições financeiras.

O crédito para pessoas físicas irá funcionar da seguinte maneira:

Será lançada uma plataforma digital de microcrédito do banco Santander denominada Sim e o crédito oferecido ali será com um preço mais baixo e terá a colocação de bens já quitados como garantia, por exemplo: veículos automotores de duas ou quatro rodas.

A avaliação do valor dos bens será feita pela instituição financeira e esse tipo de empréstimo pode ser mais barato até três pontos percentuais mais baratos que os outros tipos.

Em setembro quando será lançado o serviço já citado e em dezembro está sendo estudado a possibilidade de lançar um serviço voltado para a renegociação de dívidas, a fim de trocar dívidas em atraso em qualquer banco por algumas alternativas de menor valor disponibilizadas pelo Santander. 

A partir do mês de agosto de 2019, a empresa vai começar a operar de uma maneira diferenciada, uma plataforma de concessão de seguros para automóveis juntamente com a seguradora HDI. 

Lembrando que as informações que estão contidas nele são apenas com a finalidade de ajudar as pessoas a encontrarem saídas de problemas financeiros mais viáveis para suas vidas. Não existe nenhum tipo de vínculo com o banco citado e qualquer problema que você tiver com a empresa, deverá ser resolvido diretamente com ela, pois como já informado o texto é apenas um meio de informação. 

PUBLICIDADE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *